*^*

sexta-feira, 1 de abril de 2011

Um dia a menos...


No silêncio da cama vazia
você sorria
de um sonho onde nós dois
tínhamos vida...
fantasia...
No seu colo fazia graça
era dia
no seu sonho fazia dia
fantasia..
Faz tempo você se foi
Faz hoje mais um dia
A dor é ínfima, curta, mas não menos doída..
Sua ausência me traz a certeza
Da dúvida do tempo
que urgia.
Sua ausência não cala minha existência
apenas me faz mais consciente
nada mais
dormente, tentando não olhar pra trás
Pai, hoje é mais um dia
sem ter tua companhia, tua euforia, tua alegria..
mais um dia a menos
pra mim, pra todos
Menos um dia. E ainda dói.

Nenhum comentário:

Postar um comentário