*^*

terça-feira, 22 de março de 2011

Mambembe sigo...



Corre o louco a morrer
e nascer
em cada fração de vida..
Nas cores
fui testemunha
do nascer do Sol
e minha alma
viva
que vagueia
mambembe..
Nas cores
amores
bem viver..
Em cada canto
um encanto
em cada canto
um renascer
Meu coração é selvagem por natureza
vive tudo sem se arrepender
e eu, andarilha do tempo
sigo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário