*^*

domingo, 25 de abril de 2010

Vésper do Mar



As estrelas despontaram no céu
O Sol brilhou com força
Você estava radiante
E eu era súbita alegria
Minha alma te sentiu como nunca antes
Essa noite pressinto
Chegamos ao cume desse sentimento...

Você tem uma beleza além das formas
Um mistério profundo sem palavras
Um sorriso singelo que me devora
Uma alma sincera, nessa longa espera

Sorri
Acordei na certeza de um lindo dia
O Sol radiante, nos seus olhos
Destemia
Desfazia
Qualquer sinal de dura poesia

Sua doçura me cala como o raiar do dia
Nesse silêncio profundo, sincero e belo
Sinto suas mãos entrelaçando as minhas
Nossos medos e anseios não podem ser maiores
Que toda nossa alegria

Respiro fundo...
Bom dia!

Um comentário: